PopEspañol e Learning by Working na EspañaAquí

porSegundo Villanueva

PopEspañol e Learning by Working na EspañaAquí

O qué é isto, muito simples, refere-se à maneira de aprender, individual, pessoal, única e exclusiva que todos nós temos na hora de abordar um processo de incorporação, qualquer.
Nas línguas, no espanhol, no nosso caso, existem duas abordagens, uma que transita entre a língua e a fala (teoria e prática), antigamente existia um professor dotado de um amplo conhecimento, um receptor, os alunos e uma teoria transitando do primeiro ao segundo, recriando regras pré à fala (prática).  O processo prático acontecia posteriormente e a incógnita consistia em observar o processo de maturidade que cada estudante oferecia, podia transcorrer meses, anos.
Hoje a coisa está mudando, este trânsito de conhecimento é bilateral, a informação é gratuita e não patrimônio exclusivo do professor, os perfis do aluno passam a oferecer um maior protagonismo, existem muitas necessidades imediatas e inputs de informação múltiplos.
O fato de estarmos falando de comunicação, que se relaciona com informação e consequentemente com pensamento nos leva a pensar que hoje é inevitável o recurso expressivo por encima da teoria como uma arena de trasvase informativo onde na prática as pessoas consigam dizer o que pensam, escutar o que as outras têm a dizer e construir o magma de conhecimento na pura prática idiomática.
O idioma definitivamente vazou, cada um recolhe a informação e a processa do seu jeito, o idioma é pop mais do que nunca.  E também real e prático, o Learning by working nos leva a pensar que é muito mais eficaz realizar um correlato lógico com as necessidades profissionais ou individuais do aluno do que aprender conceitos e listas gigantescas de verbos criadas em um laboratório probeta longe das necessidades.
Somos Pop e gostamos de ser úteis.

Sobre o Autor

Segundo Villanueva administrator

Deixe uma resposta

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.